Carros

Sexta geração do camaro é paixão original de série

Marcellus Leitão – Modelo ganhou tudo novo, de uma carroceria menor e 83 quilos mais leve ao motor do Corvette, escondido por um design irrepreensível – Rio – Esqueça os espaços internos e só pense nos espaços abertos. Esqueça o consumo e pense no desempenho. Esqueça as capacidades e valorize o design. Este é o Camaro Fifty Cabrio, um carro feito com emoção para a emoção. Os preços ainda não definidos vão passar dos R$ 300 mil, mas alguns apaixonados vão assinar o cheque com prazer.Veja as fotos e entenda o que significa um passado de 50 anos de amor pelas linhas e performance. Se bem que agora pode-se dizer que ele é um carro equilibrado em retas e curvas. Ganhou tudo novo, de uma carroceria menor e 83 quilos mais leve ao motor do Corvette, escondido por um design irrepreensível.O Camaro é um autêntico ‘pony car’, nome que deriva da inspiração dos carros nos pôneis americanos e nasceu com o Mustang. Nesta sexta geração, ficou mais caprichado e foi atualizado. O motor de 461 cv é casado com câmbio sequencial de oito marchas, que pode ser acionado por borboletas atrás do volante. Sobra disposição.Montado sobre chassis Cadillac, manteve a personalidade que o consagrou. Só no mercado brasileiro, vendeu 5 mil unidades desde que chegou, seis anos atrás.Agora, o novo Camaro tem mais eletrônica embarcada, painéis de instrumentos em cristal líquido e telas centrais interativas, como manda o consumidor, além de Bluetooth e um puro som Bose. Celulares são carregados sem cabos e a capota pode ser aberta pela chave, de longe.O modo de condução pode ser escolhido entre quatro opções e a marca conseguiu dinâmica exemplar com a distribuição de massas próxima dos 50% em cada eixo, incomum para um muscle car americano.A aceleração, segundo o fabricante, agora é realizada em apenas 4,2 segundos, da imobilidade aos 100 km/h. A paixão chega rápido aonde você quiser.

More Carros

Onix Joy 2017, o substituto do Celta

O Dia – Apesar de trazer identidade visual igual a da geração anterior, pacote de inovações mecânicas e tecnológicas compensam – Rio – Com a proposta ingrata de substituir o Celta, um dos líderes de venda da GM no mercado brasileiro, o novo Onix Joy 2017 chega para ser o modelo de entrada da Chevrolet no país. Apesar do hatch manter a identidade visual da sua geração anterior, o pacote de inovações mecânicas e tecnológicas compensa.Entre as inovações, está a direção elétrica progressiva e a suspensão recalibrada. As atualizações garantem uma melhor dirigibilidade e o conforto ao conduzir o carro. Entre os pontos positivos, o que mais se destaca é a eficiência energética. De acordo com a GM e o Inmetro, as alterações mecânicas garantem ao hatch compacto 1.0 o posto de mais econômico do mercado.Na motorização, o modelo é equipado com o 1.0 litro de nova geração (SPE/4 ECO) com transmissão manual, agora com seis marchas. Além disso, há um pacote de inovações tecnológicas, que ainda conta com pneus com selo verde e freios de baixo atrito.O Onix Joy também é equipado com o sistema de suporte exclusivo da Chevrolet, o OnStar. O serviço é útil em situações de recuperação do veículo, em caso de roubo ou furto, além de uma central de diagnósticos que pode ser acompanhada via aplicativo para smartphones.O interior tem material compatível com um modelo de entrada. Foram feitas atualizações no visual do revestimento das portas e maçanetas. Como opcionais, há uma central multimídia com tela sensível ao toque.ECONOMIAO hatch tem um dos maiores tanques da categoria, com capacidade de 54 litros. Rodando com gasolina, o Onix Joy 1.0 ECO faz 15,3 km/l na estrada e 12,9 km/l na cidade. Com etanol, os números são 10,8 km/l e 9,1 km/l, respectivamente. O desempenho é melhor até que o de automóveis de menor porte. A nova motorização permite ao Joy 2017 chegar a 167 km/h de máxima. O modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 13,4s.TEST DRIVEPela cidade, foi possível ver que principal foco dos engenheiros na hora de renovar o modelo foi a parte de eficiência energética. Com ele, rodamos mais de 100 km e apenas dois pontos no indicador de combustível se foram. A ausência de um computador de bordo não permite uma análise mais aprofundada sobre o consumo, mas a percepção de gasto foi positiva.Diferente da maioria dos modelos 1.0, a utilização do ar-condicionado não trouxe interferência visível no rendimento do Onix Joy. Apesar de ser um hatch compacto, o lançamento da GM acomoda bem três adultos no banco traseiro.PREÇOSJá disponível nas concessionárias, o valor de entrada do modelo é R$ 39.590.Reportagem do estagiário Lucas Cardoso

Carros Archives

Com Tucson, Hyundai alcança marca de cinco SUVs no Brasil
O novo Tucson é a atração por conta do pacote e versatilidade exibidos em evento de lançamento Rio - Com o lançamento do new Tucson, a Hyundai passa a oferecer cinco ...
Hyundai Creta entra no páreo
Versões do novo SUV podem variar de R$ 70 mil na versão Attitude 1.6 manual a R$ 99,5 mil na Prestige 2.0 automático Rio - No mercado que está aí, ...
BMW F700 GS é lançada no Brasil
Big trail chega para ser modelo de entrada. Ela é produzida na nova fábrica da marca em Manaus Rio - Motociclistas, eis uma nova moto no Brasil, a BMW F 700 ...
Conexão entre o carro e o celular
Nova versão de aplicativo do Google permitiu que motorista acesse aparelhos por comando de voz Rio - O Google agora disponibiliza uma nova forma de utilizar o Android Auto: direto na ...
Nova Spin Activ é aventura para a família
Em test-drive em Conservatória, minivan da Chevrolet mostra equilíbrio na estrada sem perder conforto Rio - Bem sucedido e sem um concorrente direto, o Chevrolet Spin pode se dar ao luxo ...
Nova versão do Renegade traz mais força para o flex
Além da elevação no número de cavalos o modelo é o primeiro a vir com tração 4x2 Santa Catarina - Queixa comum de quem guiou a primeira versão 4X2, o motor ...
Uno está em franca evolução
Linha 2017 do compacto Fiat apresenta equipamentos de segmentos superiores e nova família de motores Rio - Fiat Uno é um produto que merece respeito, tamanha sua longevidade. É o carro ...
March CVT vai ágil e tranquilo
Nissan March Hatch com câmbio automático tem potência e desempenho sob medida, mas pouca sofisticação para o preço cobrado Rio - Cansa ficar acionando pedal de embreagem em um trânsito “anda ...

Próxima Página »

Procurar