Filed Under:  Famosos

Apresentadora da CNN desabafa após sofrer ataques racistas

Luciana Barreto expôs ataques de ódio em que foi alvo nas redes sociais; veja

Apresentadora de “O Grande Debate”, da CNN, Luciana Barreto desabafou nesta terça-feira (5) ao expor ataques racistas que vem sofrendo. Através do X, antigo Twitter, a jornalista publicou um vídeo onde questiona como lidar com as mensagens de ódio.

“Esse não é um desabafo terapêutico, é um desabafo estratégico. Como vocês lidam com haters? Como vocês lidam com haters racistas? Minha dissertação de mestrado é ‘Discurso de ódio contra negros nas redes sociais’ e com raríssimas exceções nós deveríamos compartilhar posts de haters, mas essa é uma das raríssimas exceções”, iniciou.

“Vou usar os discursos de ódio que eu mesma sofro, para tentar mostrar para vocês alguns pontos fundamentais. O que que o hater não aceita? O que que o racista não aceita? Primeiro, uma mulher negra em espaço que eles consideram de um privilégio, de poder, discutindo política”.

No vídeo, Luciana exibe algumas mensagens: “Tinha que ser preta”, disse um dos criminosos. “Quando você fala, principalmente do Bolsonaro, chega ser ridícula. Negrinha horrorosa”, atacou outro criminoso.

“Segundo, o ataque ao belo, e terceiro e, na maior parte dos casos, eles tentam desqualificar o seu trabalho. Na impossibilidade de dizer o verdadeiro motivo, eles simplesmente dizem ‘não gosto dela’”, apontou Luciana.

A jornalista expõe mais ataques: “Credo, que mulher feia”; “Você é muito militante, vai morar na Venezuela”; “A questão não é ser branco ou negro, a questão é ter caráter para assumir certo cargo. A não aceitação não significa ser pela cor, isso se chama se vitimizar”.

“Esse vídeo é muito curtinho, só pra te dizer que eles querem te distrair, te minar emocionalmente para que você não siga em frente. É claro que a gente não vai dar esse prazer ao hater, né?”, finalizou.


Anhanguera

Comentários dos leitores (0)





Unopar



Anhanguera