Filed Under:  Beleza

Desembaraçar o cabelo molhado realmente danifica os fios?

Costuma fazer isso? Saiba se o hábito de desembaraçar os fios molhados é prejudicial

Desembaraçar os cabelos é uma rotina capilar que muitos enfrentam regularmente, e a dúvida persiste: será que faz diferença desembaraçar com os fios molhados ou secos? Confira na matéria.

Para muitas pessoas, a experiência de desembaraçar o cabelo pode ser um pouco desafiadora. Quem nunca sentiu dor com aquele puxão da escova ? Mas é importante considerar que a abordagem pode variar dependendo do tipo de cabelo.

Para aquelas com cabelos lisos e ondulados, a recomendação é desembaraçar com os fios secos ou levemente úmidos. Atenção para o “levemente”.

Isso se deve ao fato de que cabelos nessas texturas, quando molhados, tendem a ficar mais frágeis, aumentando o risco de quebra durante a escovação.

Iniciar o processo pelas pontas e gradualmente subir em direção à raiz é uma prática recomendada para evitar a quebra do cabelo. Além disso, o uso de um creme para pentear específico pode facilitar o deslizamento da escova ou pente, tornando a tarefa muito mais suave e eficaz.

Por outro lado, para cabelos crespos e cacheados, a história é um pouco diferente. Desembaraçar essas texturas enquanto estão molhadas ou bastante úmidas é crucial para evitar a formação de nós e preservar a estrutura natural dos cachos.

Os fios dessas texturas são naturalmente mais secos e podem embaraçar mais facilmente. É por isso que a umidade proporcionada pelo cabelo úmido ajuda a desfazer os nós com mais facilidade.

Cuidados ao desembaraçar

Mas, independentemente do tipo de cabelo, é fundamental evitar o desembaraço com os fios totalmente encharcados, sabe? Nada de pentear ele pingando de tão molhado (pois isso pode comprometer a estrutura dos fios e aumentar a chance de quebra).

A paciência é a chave, independentemente da textura. Forçar o desembaraço pode resultar em desconforto no couro cabeludo, dor, queda de cabelo e quebra dos fios.

Como dito lá em cima, para tornar o processo mais suave, é indicado dividir o cabelo em seções, aplicar um creme de pentear adequado e escolher a escova ou pente correto para o tipo de cabelo. Pentear gentilmente, das pontas em direção à raiz, é uma prática que deve ser adotada por todos.

Dica boa nunca é demais

Além das práticas específicas para desembaraçar, algumas dicas gerais podem contribuir para a saúde capilar. Evitar prender o cabelo molhado, trocar a fronha do travesseiro por uma de tecido de cetim para reduzir o atrito, e seguir um calendário regular de hidratações são medidas que ajudam a prevenir o embaraçamento dos fios.

Em suma, desembaraçar o cabelo molhado pode ser tanto uma necessidade quanto uma escolha, dependendo da textura do cabelo. Adotar práticas cuidadosas e específicas para o seu tipo de fio é essencial para manter a saúde capilar e garantir que a rotina de desembaraço seja mais tranquila.


Unopar
Unopar

Comentários dos leitores (0)








Anhanguera
Anhanguera
Unopar