Filed Under:  Casa & Decoração

Cresce a busca por apartamentos semi-mobiliados entre os jovens

Gerações Y e Z percebem benefícios em optar por apartamentos já decorados

Para abordarmos o tema macro deste artigo, acredito que seja relevante compreender o contexto atual em que vivemos. Nesse sentido, é importante destacar as características fundamentais de duas gerações: Y e Z. A geração Y é composta por indivíduos nascidos entre os anos 1980 e 1990 e é considerada a geração da liberdade e da inovação.

Em termos gerais, os membros da geração Y, também conhecidos como Millennials, estão constantemente conectados à internet, devido ao seu desenvolvimento em meio a diversos avanços tecnológicos. São pessoas que buscam por novas tecnologias, possuem habilidades multitarefas e estão em busca de sucesso e ampliação de conhecimento.

Logo em seguida, temos a geração Z. Essa geração, dos nascidos entre 2000 e 2010, é a considerada mais imersa no mundo tecnológico, pois nasceu já na era digital e cresceu com acesso a smartphones, mídias sociais, streaming de vídeo e outras tecnologias avançadas. São, em linhas gerais, jovens práticos e que buscam pelo equilíbrio das necessidades financeiras e enriquecimento pessoal.

Gerações com objetivos diferentes

Com a chegada ao mundo adulto, essas duas gerações começaram a demandar drásticas mudanças comportamentais em toda a sociedade, e o mercado imobiliário não foge à regra. Com necessidades cada vez mais específicas que ofereçam mais agilidade, praticidade, conforto e segurança, a geração Z e os Millennials não têm mais o interesse de comprar uma casa própria – diferentemente dos seus pais que, na maioria das vezes, era um objeto de vida.

Por isso, são, muitas vezes, chamados de a “geração ser e não ter”, já que optam por alugar grandes bens, como imóveis e carros, ao invés de comprar; e também há um grande aumento da procura por apartamentos semimobiliados.

Maior praticidade

O termo “semimobiliado” refere-se a um imóvel que já possui alguns móveis e eletrodomésticos essenciais, como armários embutidos, cooktop, box de vidro, geladeira, entre outros.

Esse modelo de residência ganha cada vez mais adeptos de tais gerações, e podemos listar algumas das vantagens de quem aposta nele. Uma delas é a economia de investimento. Geladeira, fogão, sofás e outros móveis de maior porte costumam ser a parte mais cara de quem está montando um novo lar. Portanto, optar por um apartamento semimobiliado é uma vantagem mais econômica e também facilita a vida do morador.

Além disso, apartamentos semimobiliados trazem mais praticidade na mudança, esta que sempre exige dedicação e organização. Geralmente, os móveis pesados já estão no novo apartamento, por isso o processo se torna mais fácil. Basta, portanto, que moradores levem alguns dos pertences e aproveitem o novo espaço.
Apartamentos semimobiliados apresentam facilidades para inquilino e locador (Imagem: FOLLOW THE FLOW | Shutterstock)

Outros benefícios

Outro ponto benéfico é que existem apartamentos semimobiliados para alugar que possuem contratos de longa permanência (mínimo de 12 meses) e curta permanência (mínimo 1 mês), realizados no ambiente digital, algo que acompanha as novas gerações que são mais flexíveis e mudam de casa com mais frequência, devido ao emprego, novas experiências, entre outros.

Também é importante destacar que diversos apartamentos semimobiliados para alugar se concentram em regiões estratégicas das cidades, ou seja, estão próximos de metrôs, vias públicas, parques, entre outros. Isso é algo ainda mais atrativo para as novas gerações. Esse movimento aconteceu porque as incorporadoras e construtoras perceberam a nova demanda e criaram opções para atender esse público.

Imóveis visam flexibilidade

Em resumo, alugar um apartamento semimobiliado oferece diversas vantagens para o consumidor. Desde a economia de tempo e dinheiro até a liberdade de escolha e personalização. Essas opções permitem que o inquilino tenha mais controle sobre o ambiente em que irá viver, reduza riscos e se adapte facilmente a diferentes circunstâncias. Para aqueles que buscam flexibilidade e praticidade, o aluguel de apartamentos semimobiliados se apresenta como uma escolha cada vez mais sedutora.

Assim, posso concluir que o aluguel de um apartamento semimobiliado é uma tendência e deverá seguir crescendo nos próximos anos. Em São Paulo, regiões como Vila Mariana, Bela Vista e Paraíso são alguns exemplos ricos em oportunidades interessantes e que devem atrair cada vez mais pessoas.


*

Comentários dos leitores (0)








Anhanguera