Filed Under:  Carros

Onix Joy 2017, o substituto do Celta

dezembro 15th 2016  ·   0 Comentários

Apesar de trazer identidade visual igual a da geração anterior, pacote de inovações mecânicas e tecnológicas compensam

Rio – Com a proposta ingrata de substituir o Celta, um dos líderes de venda da GM no mercado brasileiro, o novo Onix Joy 2017 chega para ser o modelo de entrada da Chevrolet no país. Apesar do hatch manter a identidade visual da sua geração anterior, o pacote de inovações mecânicas e tecnológicas compensa.

Entre as inovações, está a direção elétrica progressiva e a suspensão recalibrada. As atualizações garantem uma melhor dirigibilidade e o conforto ao conduzir o carro. Entre os pontos positivos, o que mais se destaca é a eficiência energética. De acordo com a GM e o Inmetro, as alterações mecânicas garantem ao hatch compacto 1.0 o posto de mais econômico do mercado.

Na motorização, o modelo é equipado com o 1.0 litro de nova geração (SPE/4 ECO) com transmissão manual, agora com seis marchas. Além disso, há um pacote de inovações tecnológicas, que ainda conta com pneus com selo verde e freios de baixo atrito.

O Onix Joy também é equipado com o sistema de suporte exclusivo da Chevrolet, o OnStar. O serviço é útil em situações de recuperação do veículo, em caso de roubo ou furto, além de uma central de diagnósticos que pode ser acompanhada via aplicativo para smartphones.

O interior tem material compatível com um modelo de entrada. Foram feitas atualizações no visual do revestimento das portas e maçanetas. Como opcionais, há uma central multimídia com tela sensível ao toque.

ECONOMIA

O hatch tem um dos maiores tanques da categoria, com capacidade de 54 litros. Rodando com gasolina, o Onix Joy 1.0 ECO faz 15,3 km/l na estrada e 12,9 km/l na cidade. Com etanol, os números são 10,8 km/l e 9,1 km/l, respectivamente. O desempenho é melhor até que o de automóveis de menor porte. A nova motorização permite ao Joy 2017 chegar a 167 km/h de máxima. O modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 13,4s.

TEST DRIVE

Pela cidade, foi possível ver que principal foco dos engenheiros na hora de renovar o modelo foi a parte de eficiência energética. Com ele, rodamos mais de 100 km e apenas dois pontos no indicador de combustível se foram. A ausência de um computador de bordo não permite uma análise mais aprofundada sobre o consumo, mas a percepção de gasto foi positiva.

Diferente da maioria dos modelos 1.0, a utilização do ar-condicionado não trouxe interferência visível no rendimento do Onix Joy. Apesar de ser um hatch compacto, o lançamento da GM acomoda bem três adultos no banco traseiro.

PREÇOS

Já disponível nas concessionárias, o valor de entrada do modelo é R$ 39.590.

Readers Comments (0)





Procurar